Blog

Economia Colaborativa, o futuro é compartilhado

Uma carona para o serviço, um livro que já foi lido, o celular que não atende mais as necessidades ou a propriedade de férias, existe pessoas economizando dinheiro compartilhando seus bens, e você pode ser uma delas. Conheça a economia compartilhada.

A economia colaborativa, ou compartilhada, pode estar dando seus primeiros passos no Brasil, mas lá fora é considerada o modelo de negócio do futuro. O conceito de empresas unicórnios surgiu na carona do compartilhamento, são pequenos negócios que cresceram muito rápido e mudaram o mercado, como por exemplo, o Uber. Uma das maiores empresas de transportes do mundo atualmente, que não utiliza veículos próprios para a locomoção de passageiros.

Mas afinal, o que é economia compartilhada?

Do inglês, Sharing Economy, é o ato de dividir a compra ou o uso de um determinado produto, onde ambas as partes saem ganhando. O termo até pode ser novo, mas o conceito é antigo, e bastante utilizado, afinal, quem nunca precisou pedir uma xícara de arroz ao vizinho?

O conceito evoluiu e hoje movimenta grandes quantias de dinheiro. Só o Airbnb é responsável por 2,5 bilhões do PIB brasileiro, e especialistas apontam que a médio e longo prazo a economia compartilhada deve ser responsável por 30% do PIB nacional. Em uma pesquisa feita pela SPC Brasil e CNDL, 79% dos entrevistados disseram que o compartilhamento de bens torna a vida mais fácil e funcional, e 68% se imaginam participando de algum tipo de consumo colaborativo nos próximos 2 anos.

Como você, cliente Gramado Parks, se encaixa nisso?

Entre os tipos de compartilhamento, o aluguel ou compra de apartamentos é o mais utilizado, com 40% de preferência. Em alguns dos anos mais fracos da história do setor imobiliário, o sistema de hospedagem colaborativa trouxe um novo fôlego, com um investimento de 11 bilhões na área, criando um forte interesse na multipropriedade.

Ter sua casa de férias e pagar apenas pelos dias que usar não é mais um sonho, é a realidade de um investimento garantido em um negócio que está revolucionando o mercado. A Gramado Parks é a empresa que mais cresce no ramo, já são 4 resorts de luxo em construção no segundo melhor destino turístico do Brasil, além da parceria com a RCI, que fornece viagens para mais de 100 países ao redor do mundo, garantindo sempre o melhor para nossos clientes. O futuro já está acontecendo por aqui, você faz parte dele?

VEJA TAMBÉM

Porque Gramado é considerado um dos destinos mais românticos do país?

Cerca de 2 milhões de turistas curtiram Gramado na temporada de inverno

Decoração do Natal Luz conta com orçamento 15% maior que em 2017